STR: A tarifa média diária dos hotéis brasileiros ultrapassa os níveis de 2019 (pré pandemia)

De acordo com dados do STR, os hotéis brasileiros estão recuperando a tarifa média muito mais rápido do que a ocupação. Saiba mais no próximo artigo!

Compartilhar este post

A tarifa média do Brasil atingiu o valor de R$327,21 em setembro, 6,4% superior à taxa de setembro de 2019 (R$ 307,56) segundo STR, sua maior diária histórica. Esse aumento já foi observado em julho, com um ADR de R$ 336,45.

“Setembro é normalmente um dos meses de ADR mais fracos no Brasil, mas a recuperação dos preços do país tem sido forte desde os primeiros meses deste ano”, disse Patricia Boo, diretora de área da STR para as Américas do Sul e Central.

Turismo doméstico no Brasil

Com viagens internacionais embaixa pelas dificuldades impostas pela pandemia, o Brasil tem recibido quase toda a demanda doméstica de turistas. Isso levou a um forte crescimento de destinos de viagens de lazer fora dos tradicionais destinos turísticos.

“Os hotéis estão recuperando seu ADR muito mais rápido do que a ocupação devido a uma mudança do perfil de destino das viajens de lazer. Esse aumento também é impulsionado por uma demanda de turistas internos que historicamente não tinha o costume de viajar”.

Embora os destinos nacionais devam manter um forte desempenho no curto prazo, o ADR provavelmente enfraquecerá com o tempo, à medida que as viagens internacionais forem retomadas. Atrair chegadas internacionais ajudará a compensar a perda de demanda interna quando isso acontecer.

str-turismo-domestico-brasil-myhotel

Brasil: Terra do turismo de luxo

Assim como nos Estados Unidos e na Europa, os hotéis de luxo do Brasil mantiveram o maior poder de precificação, com ADR de hotéis Luxury e Upper Up Class ultrapassando os níveis de 2019 em quatro meses consecutivos em 2021.

Parte desse crescimento pode ser atribuído a mudanças nos segmentos de demanda. Enquanto em 2019 o ADR dos dias da semana superavam os de fim de semana (com uma pequena margem), em 2021 se observa o contrário, com as diárias de fim de semana superiores aos dias úteis.

As viagens de lazer de fim de semana recuperaram muito mais do que a demanda de negócios com base nos dias de semana. A aversão ao risco, as políticas de trabalho em casa e as medidas de corte de custos reduziram significativamente as viagens de negócios e esses fatores continuarão a deprimir as taxas durante a semana até o final do ano.

str-tasa-semana-fin-de-semana-brasil-myhotel

Para o Brasil, atingir as taxas de 2019 durante a alta temporada não será um problema; em vez disso, os hoteleiros estarão procurando manter o sucesso do verão desta vez.

Você quer saber mais? Veja mais informações no artigo STR

Rafael Sancinetti

Rafael Sancinetti

VP of Sales Brasil

Suscríbete a nuestro blog

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Más a explorar

Reputação

Entrevista exclusiva com Hotel Le Canton de Teresópolis

“Com myHotel passamos de um livro de registro e planilhas de Excel a métricas e relatórios em tempo real que nos permite ser mais rápidos e eficientes na resolução de problemas. Isso é fantástico”.

Reputação

O NPS não é tudo

Como plataforma de gerenciamento de experiência do hóspede, sabemos como é importante medir. Saiba por que NPS não é tudo quando se trata de gerenciar a experiência do hóspede.